Alimentação e fertilidade, tem relação?

Sim!

Nossa alimentação está diretamente conectada a fertilidade da mulher e do homem,podendo aumentar ou reduzir as chances do casal engravidar. 🤰 O que comemos interfere na qualidade dos óvulos e também dos espermatozóides.

Por exemplo, alguns estudos mostram que a ingestão insuficiente de ômega 3 (chia, linhaça, peixes) associado ao elevado consumo de ômega 6 (óleos de soja, girassol) reduz a chance de engravidar e pode piorar qualidade dos óvulos e espermatozóides.

Outro nutriente importante é a vitamina B9 (grãos, lentilha, brócolis, gema de ovo, fígado, quiabo) que aumenta a chance de engravidar, que tem nos alimentos… e por isso é tão recomendado a suplementação na gestação.

Pesquisas mostraram que homens e mulheres que priorizavam o consumo de proteínas vegetais (ex: feijão, soja, lentilha), grãos integrais (ex: arroz integral, trigo integral, aveia), frutas, legumes, lacticínios com baixo teor de gordura e que tinham baixo consumo de alimentos processados, doces e carnes vermelhas apresentavam menor risco de infertilidade ovulatória.

Por isso, é fundamental que casais que desejam engravidar busquem acompanhamento nutricional para adequar a alimentação e aumentar as chances de concepção. 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s